Se fosse eu o treinador

Era chegar ao aeroporto e ir directamente treinar. Só iam para casa ás 8 da noite!

Todos os dias até á última jornada do campeonato.

9 comentários:

João disse...

Que interessa isso se o treino não tem qualidade? Se eu te "ensinasse" a tabuada mal todos os dias durante um ano, tu não a ias saber fazer só porque eu te tinha passado mais tempo a "ensinar"...

Mas se eu fosse o treinador eu é que ia para casa até ao fim do ano. Dos próximos anos.

João aka.. João disse...

Treinar o quê? Cada minuto de 'treino' com este 'treinador' é atirar anos de aprendizagem ao lixo.

Arrenka disse...

Graças ao nosso trein(a dor).
Temos plantel para muito mais.
Muita posse, muita troca de bola para trás e para os lados, mas quando é para promover a criatividade, o jogo entre linhas, a inteligência... não temos quem o faça (não há esse estímulo).

Sugestão: Grimaldo (Eliseu é fraco a defender e inconsequente a atacar) e novo trein(que não a dor) que promova uma equipa e não um conjunto de jogadores em campo.
Já disse anteriormente, a maioria dos jogos vão ser jogados em esforço, à base da vontade e à procura da sorte e do golo madrugador, em detrimento da inteligência, criatividade e colectivo. A sorte terá um papel preponderante com este trein(a dor).

2016:
Júlio César; Elderson, Eq. B
Grimaldo, Sílvio (tb esq.);
Luisão, Lisandro
Jardel, Eq. B
Semedo, André Almeida
Samaris, Fejsa, Cristante
Sanches, Djuricic, Talisca
Gaitán, Zivkovic, Carcela
Pizzi, Sálvio, Guedes
Jonas, Cervi
Mitroglou, Jimenez


Treinador: Paulo Sousa (abrir os cordões); Vitor Pereira.
442 pelo primeiro nome de cada fila e seguindo pela ordem de prioridade! Inteligência, técnica, visão. Começar a preparar a equipa o quanto antes para a época seguinte e tentar ir a tempo da taça da liga (que também será disputada à base da sorte).

César
Semedo, Luisão(Lisandro), Jardel, Grimaldo
Samaris
Pizzi (Sálvio), Renato, Gaitán
Jonas, Mitrogolo

Daniel Alves disse...

Treinar? Para quê? Se isso fosse bem feito via-se em campo. O belo exemplo de hoje mostra que isso não acontece

A bug's life disse...

Boa comparação :)

Quem disse...

O problema é que não há treinador.

Jorge Alemão disse...

Não é bem não haver treinador - é uma questão de disponibilidade horaria

http://www.abola.pt/clubes/ver.aspx?t=3&id=587446

joao straton disse...

LOL Jorge..
Arrenka, o Paulo Sousa ??? a sério ? depois de tudo o que nos fez ? isso é memória curta, no Benfica não entra nunca mais.
Agora Bielsa é uma opção, mas não sei até que ponto percebe o nosso futebol e tem conhecimento como se joga por cá, por isso seriam uns meses a apanhar do ar para depois engrenar(palpite).
Victor Pereira fez sentido no Porto com o Hulk e James, para mim um treinador mediano e não sei se seria opção para um Benfica em contenção de custos.
Neste momento só existe um português que faz sentido, Marco silva, mas tem a clausula com o Sporting por isso só daqui a um ano.
Agora é aguentar com o vitória até ao final da época.
Mais...com todos os defeitos que querem incutir á força contra o JJ eu aqui afirmo que sou um fã do homem, ele pode ser uma besta para o Raúl José, foi uma besta para o Shéu e deve ter sido uma besta para muitos mais, mas tem piada e eu simpatizo com ele, gosto daquele ar matreiro de regula da rua, e percebe-se que ele percebe mais de bola que qualquer gajo a treinar aqui em Portugal.
Foi um erro e está na altura de se assumir isso.

Quem disse...

este? Este não é treinador. Apesar dos anos maus, os adeptos do Benfica sabem o que é um treinador.