Um grande abraço a quem ama a camisola

Nem sei porque continuam os jogadores naquela dancinha de final de partida, a trocar o que para eles não passa de uma recordação. Eu, se fosse jogador do Benfica, nunca dava a minha camisola a ninguém. No máximo poderia trocar com um colega de equipa, ou então com um ex-craque do glorioso que tenha sido forçado a sair para o clube ganhar dinheiro, mas o mais provável seria trocar mesmo com um colega de equipa, preferencialmente com o melhor em campo. Isso sim, é uma recordação de valor.

Hoje em dia já não faz muito sentido, esse 'amor à camisola', e se analisarmos os clubes maiores, percebemos que o Benfica tem um capitão que, durante anos a fio, quis sair do clube. O Porto viu o Lucho sair à primeira contrariedade, e não foi como D10s Pablito no Benfica, que saiu porque não jogava, o Lucho, pelo que vi nos jornais, saiu por dinheiro. O Sporting nem se fala, com 3 jogadores ultra acarinhados pelos adeptos, a rumarem ao Dragão nos últimos anos, e com outros a abandonarem o navio após um ano terrível. 

Pegando no exemplo do Benfica, só lá vejo um jogador que já deu mais que provas que tem amor à camisola, e esse jogador chama-se Jardel. Não posso deixar de passar a oportunidade, num dia em que me apetece escrever sobre amor à camisola, de dar os parabéns a Jardel. Depois de ter o Benfica no curriculo, ele poderia ir para outro clube ganhar mais dinheiro, ele que é dos que menos ganha no glorioso, mas que sente-se muito bem sob a alçada da grandeza de tamanha instituição, e que passou de amor à primeira vista, quando assinou, para uma relação duradoura, e que, espero eu, dure até final da sua carreira.

Também vejo Enzo, a manifestar esse amor, mas é claro que não vou estar agora a falar para depois ele acabar por sair, se bem que não acredito muito nessa hipótese (por favor Vieira, não o vendas, vende outras coisas, o autocarro, a estátua do bella guttman, sei lá, qualquer coisa tipo o Djaló ou assim).

A saída de Garay, por manifesta vontade do jogador (o preço a que saiu é outra história, e aí não me parece que o jogador tenha alguma responsabilidae), e a fuga de Oblak, depois de nos ter pedido desculpa (ganda lata), poderiam ser mais facas nas costas, não estivesse eu já consciente de que o amor à camisola, que era regra no passado, agora é excepção, e, analisando bem as coisas, só posso estar muito feliz por ter gente como Jardel ou Enzo no plantel, e com a subida de Bernardo Silva ou Hélder Costa, que também parecem viver intensamente o clube. Fico também muito feliz por termos jornalistas na BenficaTV que sentem o peso da camisola, passando-se o mesmo com Rui Costa na direção.


Estava-me a esquecer do Sálvio, que tem direito a imagem que vale por mil palavras.

Este abraço é para todos vós, que ainda me dais um pouco de alento nestes tempos de devoção ao capital, e deixo-vos com esta homenagem e um sentido bem-haja, irmãos que sentem o meu clube como eu sinto.

(este vídeo, feito pelo Cota do Bigode, e o qual tive oportunidade de rever ontem, deveria ser mostrado aos novos jogadores do Benfica, para perceberem a mística de forma divertida, mas o burro do Cota meteu o watermark e com aquilo ali, nem é bom mandar para a direção eheheh)


4 comentários:

António Viegas disse...

Sobre o Garay, sei de fonte segura que o que se passou foi o seguinte:

Ele ficou ressentido por não o terem deixado sair em Janeiro, para o Zenith. Na altura o Vieira não o quis deixar sair (quanto a mim bem) para não perturbar a equipa (já bastou o Matic).
E no fim da época, deixou o seguinte recado: ou me vendem até ao 1º jogo do mundial, ou saio para o ano a custo zero, e durante este ano não garanto que esteja a cem por cento... Confrontado com isto, e tendo em conta que este menino custava ao clube 4 milhões por época, Vieira acabou por vendê-lo. Claro que o Zenith, que estava a par da marosca, recusou-se a pagar um valor decente pelo jogador.
E aposto em como parte da massa que pouparam foi parar ao bolso do Garay, e do seu empresário, por baixo da mesa.
Aqui fica a razão de tão baixo valor nesta venda.

Neo Benfica disse...

Conheçam a opinião do NeoBenfica sobre o futuro da formação do Benfica!

http://neobenfica.blogspot.pt/2014/07/aposta-na-formacao-i-investimento.html

B Cool disse...

Os jogadores são todos uns malandros ...

O Oblak fugiu e o processo disciplinar por ele não se ter apresentado nem justificado o atraso, deve ter fugido com ele para Madrid, não ?

Rfa disse...

Maxi! Maxi! Maxi!