Era uma vez...

Esta semana que passou foi muito estranha. Estranha para todos, menos para o Benfica, pois a vaca que os acompanha nos jogos da Liga Europa continua por lá.

O Dias Ferreira, após semanas a aguentar o facciosismo de Rui Gomes da Silva e a complacência de Paulo Garcia, levantou-se do Dia Seguinte para nunca mais voltar. Não o critico, como não criticaria Peter Schmeichel, se ele tivesse resolvido abandonar o relvado de Alvalade quando viu o Duarte Gomes marcar-lhe uma falta por ter “agarrado, largado e agarrado a bola”. Mais alguém viu esta falta ser marcada em Portugal? Pois, também nunca ninguém viu o Paulo Garcia a dizer ao Guilherme Aguiar ou ao Rui Gomes da Silva para se sentar direito.

No que toca ao resto do mundo, foi tudo muito estranho. O Kim Jong quer começar uma guerra nuclear (Porra, alguém que diga ao homem para ir ao quarto do pai, um cinéfilo obsessivo, e ver o dvd do “Dr. Strangelove”, pode ser que aprenda alguma coisa).

Relvas cai do no dia em que não caiu chuva este ano e Jesus continua sem renovar. O Porto está fora da Taça de Portugal, Champions e Liga e ainda não houve relatos de agressões a jogadores do Porto por parte dos Super Dragões. Estranho.

 Mais estranho do que isto, só os escribas de serviço, tanto em jornais como em blogs, mais preocupados com Inácio e o Moreirense do que a súbita e inesperada lesão esta semana de Djaniny, dias antes de defrontar o seu clube-patrão, o Benfica. Estranho... ou não.

 Ah, e o Jürgen Klopp fala inglês! (ok, o vídeo é de Fevereiro mas só o vi esta semana)

O Sporting ganha em Braga (!), com menos um jogador e no final do jogo não houve porrada no estádio Axa.

 Nem mesmo depois dos exuberantes festejos de Bruno de Carvalho no relvado.

É lindo esta merda! :D

Por falar em BdC, há algumas coisas a destacar. Por exemplo, o facto de o especialista em direito desportivo mais conhecido da Benfica TV, um tal de Manteigas, ter dedicado uma crónica do seu espaço no Expresso, a desenvolver uma teoria qualquer, na qual BdC poderia (deveria?) ser castigado pela Liga após a sua infame tirada hitchcockiana dos “pássaros”. No próprio dia, ou no dia a seguir, o doente mental que tem um espaço de “opinião” (eu chamar-lhe-ia “divagação”) no Record, dedica as suas dezenas de linhas e caracteres ao BdC, escrevendo alarvidades como “Bruno de Carvalho foi o candidato apoiado pela Juve Leo, a turbulenta claque leonina” (já agora, os meus parabéns ao 37º aniversário da mais antiga claque em Portugal e do Sporting, Juventude Leonina) e ainda “Não digo que Bruno de Carvalho será o Vale e Azevedo do Sporting”. Pois, não diz mas pensa.

Se algumas dúvidas havia em relação aquilo que escrevi aqui há uns dias, o ex-vice presidente da Mesa da Assembleia Geral do Sporting, o honorável Daniel Sampaio fez o favor de esclarecer na entrevista que deu ontem ao DN. A entrevista é algo como que um “Manual para totós de como funcionou o Sporting nestes últimos 17 anos”, direcionado para um público-alvo que tem entre 50 e 80 anos e que sejam sócios do Sporting. Sim, pois apenas esses é que ficaram surpreendidos com o que Sampaio disse ontem. Os outros já sabiam que tinham sido os “sportinguistas de consoantes dobradas que deram cabo do clube”.

Em 2011, por esta altura, já Godinho Lopes tinha dado uma grande entrevista na RTP ou no Expresso, debitando banalidades como “Se não tivesse sido eleito, o Sporting teria acabado”. Tal como já tinham dito antes Bettencourt. E antes dele, Soares Franco. E ainda antes dele, Roquette. Esclarecedor.

 Folgo em ver, ainda que me possa vir a arrepender para a semana, que BdC ainda continua a resistir à tentação dos holofotes. Deixou esse espaço para a mulher, que deu uma pequena entrevista e fez primeira página para a revista “Vidas”, do Correio da Manhã. E ainda bem, porque ela é bem mais bonita do que ele.

Na entrevista, apercebemos-nos de alguns pormenores que nos fazem sonhar ainda com contos de fada. Ela, leoa “desde que nasci”, ele, um Sportinguista que sonhou ser presidente do clube quando tinha seis anos. O primeiro encontro de ambos foi no Estádio de Alvalade. São ambos ambiciosos e querem “reerguer o Sporting” juntos.

É, esta história começou mesmo com um “Era uma vez…” e seria fantástico que terminasse com “viveram juntos para sempre e o Sporting foi campeão outra vez”.


28 comentários:

DeVante disse...

Duas notinhas em jeito de clic...na p&%$#:

- Sporting já descobriu a sua verdadeira vocação: revistas cor de rosa;
- Falta "Benfica" nas etiquetas. Penso que foi um lapso.

P.S: Nunca vi em Portugal e em nenhuma outra parte do mundo um jogador receber o segundo cartão amarelo, e consequente expulsão, por ter dado um murro na relva. Ainda para mais com o aplauso de todo o painel de comentadores...
Ah, o Djaniny lesionou-se pois, não vá sofrer a mesma acusação que Oblak;
Sobre Inácio, acho muito bem que ele continue a ser o treinador do Moreirense e nem me lembrava disso. Como não me lembro do que se passa em Paços, Marítimo, Guimarães, etc.

Corrupção? NÃO disse...

Ficamos todos muito felizes por ver que o teu ódio ao Benfica continua intacto. Continuem assim, vão parar à fossa. Bons bons são os do norte.

Captomente disse...

Xiii, "ódio"? Comichão na laringe, ainda aceito, agora "ódio"?? kwqmkasmcksamck

Benfiquista Tripeiro disse...

Nota-se bem no primeiro parágrafo que a dor de coto está no seu pico máximo. Adorei.

Também é agradável saber que, pelos vistos, só o Gomes da Silva é que é faccioso naqueles programas. O resto é só gente imparcial. O Dias Ferreira, então, o tal que vira as costas ao jornalista que conduz o programa e a um colega de painel, esse é que é o injustiçado. Impressionante a tua capacidade de torcer a espinha na direcção que te convém.

Agarrar a bola, largá-la e depois agarrá-la outra vez é falta. Ponto final. Se tu não sabes isso, vai ler as regras. Talvez seja a única vez que viste isso em Portugal, porque nenhum guarda-redes é estúpido o suficiente para fazer isso.

Bruno de Carvalho, blá, blá, blá, ninguém quer saber disso para nada.

A primeira dama já dá entrevistas, ahah, que comédia, até mete histórias de amor perfeito. E há quem acredite, ahah!

DeVante disse...

Sobre Djaniny:
"No último treino antes do jogo com os encarnados, Djaniny já trabalhou junto dos companheiros, pelo que pode até ser opção para Cajuda..."

Conferir aqui:
http://www.abola.pt/nnh/ver.aspx?id=393582

Pena a realidade vos desmentir...uma pena!

J.P. Gonçalves disse...

Ia aqui escrever umas coisas mas o Devante e o Benfiquista Tripeiro já disseram quase tudo.
Acrescento só que ter "vaca" dá muito trabalho e é preciso estar lá para a ter e que a diferença ao dia de hoje entre o 10º classificado da nossa Liga e o primeiro explica bem o sucesso de vendas em Portugal de Rennie e Kompensan.

Vitto Vendetta disse...

Quem é o Manteigas?

Morais disse...

Rui Gomes Da Silva faccioso!?!? Então o que são o dias ferreira, eduardo barroso, manel serrão, guilherme aguiar e o guedes??
Secalhar o Paulo Garcia nunca mandou os outros comentadores mudarem de postura porque provavelmente estavam na correta!!!
Já agora, é verdadade que o Newcastle teve 2 bolas no poste mas o Tim Krul foi o melhor em campo... e o sporting jogou contra quem para a europa??
Quanto ao bruno de carvalho e sua esposa ainda vamos ter muito que falar, ainda agora isto começou!!

friikniik disse...

Também me lembro de ver muitos jogos, e não só do Benfica, em que a vaca era sempre estrangeira e não morri, agora que sabe melhor ter a vaca da banda de cá, sabe. sabe bem melhor ganhar com vaca que perder sem ela, e muitos campeões têm tido a sua ponta de vaca na história. Antes vacas que frutas. O Bruno Carvalho tem surpreendido, pela positiva e a equipa parece estar a responder, mas sejamos realistas, nada está ganho nem o caminho é fácil. Ainda vai ter de ganhar alguns cabelos brancos e perder alguns jogos, terá de lidar com a impaciência dos adeptos que pedirão títulos já (como sempre) e com os cordéis da banca, com os contratos sanguessuga das anteriores direcções, etc... Mas um dia teria de começar a revolução que é mais de mentalidades e menos de liberdades, senão o Sporting acaba, vendido. E logo vem a segunda final.

LDP disse...

Foi uma chatice a vaca ter ido pastar á Luz mais uma vez, não fosse isso e o gr do Newcastle teria sido o melhor deles em campo em vez da Mimosa.

Certas mentes diriam que os festejos que reproduzes são tipicamente de taxistas energúmenos, mas desta vez é apenas uma "merda linda".

"o doente mental que tem um espaço de “opinião” (eu chamar-lhe-ia “divagação”)" - isto faz-me lembrar um casal de tótós que escreve num blog..."qualquer coisa do Aimar", parece-me. Mas deve ser só impressão minha.

PS: Quando tiveres tempo explica ao Valdemar qual era o argumento debatido no momento em que Dias Ferreira decidiu fechar com chave de ouro a sua patética participação na tv portuguesa. Não vá ele resvalar para a mentira outra vez.

fernando disse...

Aos seis anos de idade sonhar que quer ser presidente de um clube não é para todos, digo mais não é para ninguém...

Germano Bettencourt disse...

Capto, gosto muito de ler os teus posts, mas porr@, quando defendes o Dias Ferreira fico sem vontade de ler o resto, mas li.

O gajo é estúpido todos os dias. Facciosos são os 3, não é por aí. Virar a cara, fazer birrinha, e dizer não gosto de ti, é uma atitude própria da minha afilhada, mas essa tem pouco mais de 3 anos.

Realmente, o Djaniny tem sido decisivo esta época. É o gajo com mais minutos de jogo, e mais golos. Tanto é, que o Djalmir retirou-se por o miúdo lhe roubar o lugar.

Um abraço

Alberto disse...

Acusar um gajo de faccioso com o Dias Ferreira e o Porco Aguiar no mesmo painel revela tudo sobre este post.

jose disse...

Dá-se, 2 vitórias e a caganca volta logo ao de cima.

Gosto imenso da defesa ao Dias Ferreira. E parecida com um o amor das SS ao Führer. Estava sempre com razão.

O Bruto de Carvalho estava a festejar no banco, porque a impressora que ia imprimir os passes ficou com medo de imprimir mal o nome do BDC e decidiu fazer hara kiri.

lawrence disse...

Como é o título?
Ah! "Era uma vez"!
Pois!
Contos de fadas, onde tudo o que acontece e se diz é ficção, mas de acordo com a ideia do autor!
Muito obrigado pelo esclarecimento!
É que eu era de opinião que os facciosos eram o desbocado do palitos e o "snipper" do alguidar!
Também és dos que gostam mais do banana do Seara, né?
O que se aprende com os post's do Capotamento e do Valderrama!

Paulo Simões da Silva disse...

Vaca que acompanha o Benfica?
Não me lembro de ver a tua mãe no estádio....
Chupa que é de uva

89johnnys disse...

És um porco de um lagarto disfarçado de Benfiquista. Este blog mete nojo. Só falta lamber literalmente o cu aos lagartos meu porco. és uma vergonha apaga este blog cbrao

89johnnys disse...

Vergonha de blog q anti.nojento

Vitto Vendetta disse...

LOL

DeVante disse...

Um puto de seis anos não é suposto sonhar em ser jogador de futebol, marcar golos e conquistar troféus? Seis anos e sonha ser presidente?

JR disse...

Tanta estranheza com o que se passou esta semana e nem se menciona a mais estranha de todas.... o pagamento dos salários em olhão com a ajuda de um "amigo" não identificado.

JR disse...

Tanta estranheza com o que se passou esta semana e nem se menciona a mais estranha de todas.... o pagamento dos salários em olhão com a ajuda de um "amigo" não identificado.

Captomente disse...

Uma fresquinha: quem pagou os salários em Olhão, li por aí algures, foram os tipos da Traffic. Lembram-se a quem compraram o Jardel? Pois.

@Germano, defender a saída do Dias Ferreira, não significa que concorde com a sua postura (não corporal, mas "política" :P) no programa: apesar do seu indefectível Sportinguismo, é(foi) um tipo que, avaliando agora e bem o seu trajecto ao longo do tempo, usou o seu tempo de antena para se auto-promover, numa ténue esperança de um dia poder ser presidente do Sporting. Hoje fica claro que esse sempre foi o seu desiderato.

Agora, a forma como se foi processando a saída do DF (e foi algo que durou algum tempo, não foi apenas este último programa), é algo que me deixou desiludido, principalmente com o Paulo Garcia, jornalista que estimo muito mas que, objectivamente, falhou e teve "dedo" neste desfecho. Podia (e devia) ter usado uma imparcialidade digna de um árbitro britânico mas, ao fim ao cabo, esteve ao nível de um Duarte Gomes. Lamentável.

Ok, troca o exemplo da "lesão" do Djaniny pelo exemplo de um clube o ter comprado, com a época a decorrer, uma semana antes de o seu clube ir jogar com o seu futuro clube. Melhor assim?



Abraço.

Captomente disse...

@Vitto,

João qq coisa Manteigas, um "especialista" em direito desportivo e que os "media" costumam auscultar a sua opinião quando surge algum "caso" no futebol tuga, logo a seguir ao Meirim. Escreve no Expresso.

É um convidado habitual da Benfica TV. Ou pelo menos, já foi. Um lampião, portanto. :P

(antes de qq boca: Sun Tzu "Conheça o teu inimigo e a si mesmo, e em 100 batalhas você não correrá perigo.")

LC disse...

"É um convidado habitual da Benfica TV. Ou pelo menos, já foi. Um lampião, portanto. :P"

O Paulo Pereira Cristovão também foi convidado da Benfica TV.

Captomente disse...

Procura aí a definição de "habitual" no Priberam. dumbass.

ebranco disse...

Olha!! o Djaniny tá a jogar lesionado!! Quando não se sabe, o melhor é estar calado...

zé docopinho disse...

Haha! O jesualdo no fim do clip a empurrar o burro de carvalho, tipo já chega sua puta histèrica, SAI!