Pessimismo nas Fantasias Infantis

Nunca fui uma pessoa de grandes crenças. Quando era criança (alguma vez deixei de ser?) a minha crença naqueles tradicionais mitos infantis ou não existiu ou durou pouco tempo.

Desde muito cedo que soube que o Pai Natal não existia e nunca acreditei no Coelho da Páscoa.
Quanto à Fada dos Dentes, nunca me visitou, essa cabra! Mas também, com uma fada a dar-me uma moedinha de 100 ou 200 escudos de cada vez que me caía um dente de leite não ia longe. Uma Fada do Cócó, isso sim é que me tinha dado jeito. Hoje estava na lista da Forbes.

A falta de crença nestes mitos estendeu-se à religião. Para verem como sou uma pessoa de fé, quando tinha 6 anos, no 1º ano da catequese, a catequista um dia perguntou "Quem está a tomar conta de nós?". Devia estar à espera que respondêssemos "Jesus" ou "Deus Nosso Senhor".
Mas eu respondi: "É o Mário Soares porque é o Presidente da República".
Escusado será dizer que não passei do primeiro ano de catequese...

Aos 16/17 anos descobri a religião do Benfiquismo, mas nem assim me tornei numa pessoa de fé. Sou um eterno pessimista na antevisão aos jogos e mesmo quando tudo parece bem encaminhado, só descanso com o apito final do jogo e/ou com o caneco a ser erguido. Até lá, acho sempre que pode acontecer alguma coisa que, mesmo não pondo em causa o resultado, possa ser nefasta para nós.
E quando a vitória está consumada num jogo, começo imediatamente a ficar preocupado com o jogo que vem a seguir.
Só mesmo em 2010 é que relaxei. "Ah, a partir de agora esta merda vai ser toda nossa."
E deu no que deu...no final de Agosto já estava a trepar pelas paredes outra vez.

Não me levem a mal, mas o meu Benfiquismo nasceu num período negríssimo. 1-0 com o Gondomar... Ano 2003 onde o fcp limpou tudo... E não é preciso dizer mais nada.
É por isso que agora, a perspectiva de uma Dobradinha ou até mesmo de um Triplete para já, é para mim uma fantasia infantil, difícil de acreditar. Só deixará de ser quando efectivamente erguermos os dois ou três canecos.
Há 10 anos, quando o meu Benfiquismo nasceu, um Benfica campeão parecia algo absurdamente remoto. Um título europeu então, estava a anos-luz. Aliás, décadas-luz!

Não partilho do optimismo do Vitto.
No Campeonato posso ficar ligeiramente mais optimista se ganharmos as próximas 3 jornadas.
Na LE posso ficar ligeiramente mais optimista se pelo menos 2 tubarões (Tottenham, Xélse ou Lazio) arrumarem agora nos 4ºs. E nós passarmos, claro.
Para a Taça já estou mais optimista.
Mas só mesmo de caneco na mão é que me rendo aos festejos!

A equipa mostra-se confiante e os adeptos cada vez mais galvanizados vão dar um apoio muito importante (Mas sem petardos, caralho!!!!!). Só que o perigo está sempre à espreita.
Num dia menos bom, mais desinspirado, em que nada saia bem. Num dia em que o Miguel Relvas jogue uma peladinha com amigos e tenha equivalência a ganhar uma Taça ou Campeonato. Num dia em que a merda da bola não entre nem por nada (lembram-se deste jogo? 4 ao poste!).

Na LE qualquer jogo menos conseguido pode ser fatal. No campeonato, um deslize até encontrarmos o suíno proença no dragoum É fatal. Na Taça, distrações contra Paços, Belenenses ou Vitória podem ser fatais.
Ao contrário de certos azuis, não temos rede que nos ampare neste número de trapezismo. Não há nada entre a Glória total e um espalhanço fatal.

Estamos perto de conquistar muita coisa...mas ainda não conquistamos nada.

Benfica, por favor, destrói-me este pessimismo!
Força Benfica!

6 comentários:

pitons na boca disse...

Quase fui despedido, por causa das audíveis gargalhadas que larguei ao ler o paragrafo das Fadas. :(

LOL

Miguel insan disse...

Parabéns, és muito bom escriba!

"Desde muito cedo que soube que o Pai Natal não existia e nunca acreditei no Coelho da Páscoa.
Quanto à Fada dos Dentes, nunca me visitou, essa cabra! Mas também, com uma fada a dar-me uma moedinha de 100 ou 200 escudos de cada vez que me caía um dente de leite não ia longe. Uma Fada do Cócó, isso sim é que me tinha dado jeito. Hoje estava na lista da Forbes."

Ainda me estou a rir

AAK disse...

Tens toda a razão em relação às próximas 3 jornadas e ao Chelsea. Há MUITA gente a pensar assim. De resto, não me parece que a Taça de Portugal possa escapar (pode acontecer, claro... mas bolas!) nem que a Lazio ou o Totenham sejam os papões que parecem ou estejam sequer ao nível do Benfica. Mas a final é apenas um jogo.

Perdoarei o que JJ me fez sofrer nas últimas duas épocas APENAS com o "triplete". Menos do que isso... não me chega. Nem acho que seja um grande brilharete, ganhar uma Taça onde já não está nenhum "grande" (ficaram pelo caminho por conta própria, atenção) e um campeonato no qual estamos 4 pontos à frente (a 5 jogos do fim e com 3 jogos em casa, dois deles de risco muito reduzido), isto tudo contra uma equipa liderada por "Bitó" e onde a poção mágica parece já ter acabado.

Se nada de anormal acontecer, seremos finalmente felizes. Mas Liga Europa é difícil, claro. Menos do que a dobradinha, neste momento, será uma época frustrante.

LDP disse...

"Uma Fada do Cócó, isso sim é que me tinha dado jeito. Hoje estava na lista da Forbes."

Esta merda merece uma t-shirt.

LC disse...

Foda-se, escangalhei-me todo a rir com a história das fadas :D

Ciai disse...

Fada do cócó? Epá continuo a preferir a dos dentes... É que um dente nunca me importei de colocar debaixo da almofada... Agora o resto... :p