BENFICA : da Lose à Luz

Artigo redigido por William Pereira e publicado na edição de hoje do SoFoot. William Pereira é o responsavel pela secção do futebol português no SoFoot. Normalmente elogioso das equipas portuguesas, é igualmente gozão com elas todas sendo dificil saber se tem uma preferência por um dos clubes portugueses. Sinal que faz um bom trabalho.

http://www.sofoot.com/benfica-de-la-lose-a-la-luz-172186.html

O mercado : 8/10


"Fala o comandante. São 11h45, a temperatura exterior é de 35 graus e acabàmos de aterrar em Belgrado". Belgrado? A sério? Sim, o SL Benfica decidiu de se deslocalizar para a Sérvia, não sabiam? Sulejmani, Markovic, Djuricic, Mitrivic, Uros Matic, o clube lisboeta decidiu fazer as suas compras nos Balcans, para mudar um pouco. Se a transferência a custo zero de Sulejmani em provenência do Ajax é um golpe de génio, tal como o do prodigio Lazar Markovic, os outros sérvios não parecem ser ainda maduros para serem considerados como boas contratações. Contudo, o Benfica dignou-se a finalmente contratar defesas, entre os quais Lisandro Lopez - sem nenhuma relação -, o que jà de si é um feito quando sabemos do desinteresse completo que Jorge Jesus tem por tudo o que se passa atras do meio-campo. Se Ezequiel Garay não for embora, as aguias poderão ter uma equipa um pouco mais solida que a do ano passado. Por fim, a verdadeira decepção deste mercado, foi a milésima ultima oportunidade dada a Jorge Jesus. OK, o homem trouxe o futebol bonito e o espectaculo à Luz, mas ele transpira a derrota. Não seria o momento de virar a pàgina? A não ser que o presidente Vieira invista numa centena de ferraduras...

Coeficiente de resistência ao tempo adicional : 1%

Kélvin, minuto 92. Branislav Ivanovic, minuto 93. Henri Saivet, minuto 91. O problema com o azar, é que ele não é corrigido nos treinos. E o Benfica não gosta nada do tempo adicional, ponto final. A maldição que se abateu sobre o Benfica na época passada parece que continua presente, como o jogo  contra o Bordéus comprova. O mais inquietante é que, normalmente, é o Bordéus que sofre golos no tempo adicional. O que prova que o Jesus-Time encontra-se nos antidopas do Fergie-Time. Tendo em conta a persistência deste fado, não seria surpreendente que esse bruxo de Bela Guttman esteja por tras de tudo isto. Se é esse o caso, o publico do Estadio da Luz ainda terà muito que chorar depois do minuto 90.

A banana : Lisandro Lopez

Depois de Jardel, eis que chega Lisandro Lopez. A sério, o que significa esta porra? Daqui a uns tempos existirão mais imitações na Luz do que em Porte de Clignancourt. Como se não bastasse, ele é defesa central e chama-se Ezequiel, como Garay (e 90% dos argentinos). Uma verdadeira confusão! Para quando um Nani defesa esquerdo ou um Falcao guarda-redes? Por falar em guarda-redes, existe um jovem no plantel das aguias que se chama Varela. Credibilidade : zero, sobretudo porque o miudo tem o corte de cabelo do Kélvin. Resumindo, o Lisandro em questão é um muito bom "stoppeur" dotado de um excelente jogo de cabeça. Cuidado com ele nos cantos ofensivos. Se ele respeitar a sua reputação de raposa das areas, ele poderà acabar a época com uma meia-duzia de golos. De qualquer das maneiras, e mesmo se ele rebentar com tudo na Liga Sagres, apenas existe um Lisandro Lopez.

Fotografia da equipa :

25% Slobodan Milosevic

25% Novak Djokovic

10% Matic

20% futebol champagne

19% Este gajo

1% português

100% Jesus

O gajo a seguir : Lazar Markovic

"A imprevisibilidade do seu jogo e a sua capacidade em eliminar os defesas no um-contra-um fazem-me pensar de imediato a Eusébio". Quando um jovem ala de 19 anos é comparado a Eusébio por um jogador tendo jogado ao lado da Pantera Negra, é um bom sinal. De facto, não é preciso chamar-se José Augusto para ver que o puto està cheio de talento. A época ainda não começou e Markovic jà se impôs como a atracção do ano pelos lados de Lisboa. Explosividade, técnica, fintas loucas e um sentido do golo fora do comum, o sérvio tem tudo para ter sucesso com a camisola do Benfica. Ele jà marcou alguns golos durante a triste pré-época dos encarnados, durante a qual ele foi um dos poucos raios de sol. A confirmar na Liga Sagres e sobretudo na Liga dos Campeões.


O que vai acontecer :

Este ano o Benfica tem apenas um objectivo : chegar à final da Liga dos Campeões para jogar uma final europeia em casa e, por acréscimo, ganhà-la - e não fazer como esses zero à esquerda do Sporting. O que significa que o campeonato, Jesus não quer saber nada disso. Existem prioridades na vida e a Liga Sagres não faz parte delas. Outro objectivo, recuperar a Taça da Liga, porque o Benfica é um pouco como o Nadal desta competição e quer continuar a sê-lo. Seja. Sem surpresa e como em 2010-2011, as aguias fazem-se distanciar pelo Porto no campeonato, tendo 15 pontos de atraso sobre os dragões em Janeiro. Mas isso não interessa, na Liga dos Campeões, tudo corre bem. A equipa de Jesus acaba em primeiro na fase de grupos humilhando pelo caminho o Marselha em casa por 4-1. Não é no futuro proximo que a França ultrapassarà Portugal no raking UEFA. Nos oitavos de final Benfica elimina a surpreendente Real Sociedade sem grandes problemas antes de morder o Bayern Munique, enquanto os adeptos do Sporting jà viam os seus rivais levar uma porrada semelhante à deles hà alguns anos. Direcção meias-finais onde o Porto se apresenta contra as aguias. Com Kélvin lesionado, os homens de Jorge Jesus qualificam-se para a final ganhando 1-0 em casa e resistindo aos dragões na segunda-mão apesar de um tempo adicional de 5 minutos. Na final estarà o Chelsea de José Mourinho. O happy one nunca perdeu uma final e infelizmente o que deveria acontecer ao seu efémero antigo clube aconteceu. O Mou ganha a Liga dos Campeões depois de um jogo dominado completamente pelas portugueses - ou sérvios - que teriam ganho o jogo por mais de 5 pontos de diferença se o jogo se jogasse à base dos passes entre os dez jogadores. Ao apito final, Jesus imita o Cristo crucificado. Horas mais tarde anuncia a sua saida. Antes, os finalistas receberam as suas medalhas das mão de Raymond Poulidor (???????). Cruel piscar de olhos do destino.


As faixas :
"O que faz Jesus quando Cardozo lhe bate? Ele dà a outra face"


"Todos por Mateja Kezman" (Kezman, sérvio, tem uma mà imagem em França jà que fracassou completamente quando esteve no campeonato francês)

A musica:


17 comentários:

Pedro disse...

Acho que não é preciso acrescentar muito mais...Excelente texto que diz tudo.

"mas ele transpira a derrota." - Completamente.

"Este ano o Benfica tem apenas um objectivo : chegar à final da Liga dos Camepões" - todos sabem disso.

É a hegemonia...

DeVante disse...

Quem acha que sobre Djuricic não se pode ainda dizer nada...bem, vá lá que é num registo humorístico.

David Duarte disse...

Estou de acordo sobre o Djuricic. Na minha opinião, ele tem tudo para ser um Rui Costa, um Aimar... mas isto tudo é ainda o seu potencial. tem de confirmar. E nesse sentido, ainda é demasiado cedo. Mas sim, para mim a sensação da pré-época nem é o Markovic. Apesar de ter jogado menos, é o Djuricic.

carlos3113 disse...

e os corruptos não se mudaram para a América Latina? México, Colômbia entre outros Uruguai, e disso ninguém fala pois devem ter medo que os cartéis usem a tactica que eles tanto conhecem.

Francisco disse...

Djuricic e Markovic são as melhores contratações da época no que diz respeito ao Benfica. Lisandro até ao momento parece ser uma boa opção. Quanto ao Cortez, começou desajeitado mas parece estar a apanhar o jeito (embora de um momento para o outro pode-se lembrar de inventar).

Falta "meco" na frente para aqueles jogos mais parados em que a bola não sai do nosso meio campo. O Cardozo era o ideal para esse tipo de jogo. Lima e Rodrigo são mais de jogo corrido.

E finalmente falta um concorrente para o Artur. Acho que a solução passa por Mika, mas JJ insiste no Paulo Lopes. -.-' Whatever.

David Duarte disse...

P.S.: adoro os adeptos do Porto que comentam no sofoot. revoltam-se porque apesar da hegemonia do clube deles, no estrangeiro fala-se mais do Benfica do que do Porto. Ainda não aprenderam. Sempre foi assim e sempre serà.

David Duarte disse...

Mas pronto, o William Pereira jà deve estar a preparar um pequeno texto para eles.

Vitto Vendetta disse...

Muita cool!

arturo bandini disse...

William Pereira... Claramente o típico luso-descendente constrangido pelas suas origens, dá uns palpites acerca do campeonato português, não percebe muito da cena, mas o seu tom "gozão" e repleto de preconceitos agrada à plebe gaucho-burguesa que costuma comentar no dito site...

Site que colocou Arigo Sacchi como maior treinador de todos os tempos, sim sim, o tal que "revolucionou" o futebol ao "cagar" para a utilidade do número dez numa equipa.

DeVante disse...

Farto desta merda de "concorrente" para Artur...fodasse, precisamos sim de um Guarda Redes e depois logo se via o que fazia com Artur.

David Duarte disse...

Oh Arturo Bandini, quem me parece complexado aqui é você.

Pelo seu comentàrio parece que costuma ler o SoFoot e ainda não percebeu o espirito da coisa? Pelos vistos não.

Sobre o Arrigo Sacchi, tem tanta legitimidade ser ele como o gajo do Ajax ou outro. Então não vê que o gajo revolucionou mesmo o futebol? Leia o seu proprio comentàrio e perceba que se para si é incomprensivel a não existência de um 10 numa equipa, então està mesmo a considerar revolucionàrio o esquema do Sacchi. Não percebe porquê? Eu digo-lhe : inventou um modelo e não apenas o inventou como... teve sucesso.

Mas pronto, eu não metia o Arrigo Sacchi como melhor treinador de todos os tempos. Como é obvio metia o Jesus!

arturo bandini disse...

O espírito da coisa? Falei das pessoas que lá comentam. Que não haja dúvidas: gosto da revista (versão papel), mas os artigos online deixam a desejar.

Sacchi "revolucionou", no sentido negativo, tirou a magia do futebol, o improviso, aliás, hoje em dia, ninguém joga com um 10, obrigam-nos a ir para as laterais (Iniesta, Ozil, Pastore, Gaitan, etc) ou fazem companhia ao ponta de lança (Hamsik, Totti, etc.).

E Ganhou duas Champions com uma equipa do caraças (cf. os três holandeses), agarrou na selecção, foi uma desgraça (apesar da final em 94, mas jogo lastimável, Baggio encostado, ...).

Voltando ao conteúdo do teu Post, o benfica, bem... Espero sinceramente que "la sauce prenne", senão assistiremos a um campeonato tipo o escocês, o ano transacto. Não restam dúvidas que o benfica é a única equipa capaz de ombrear com o Porto. mas a tentação de uma final em casa pode causar alguns danos.

David Duarte disse...

"O espírito da coisa? Falei das pessoas que lá comentam. Que não haja dúvidas: gosto da revista (versão papel), mas os artigos online deixam a desejar."

Depende dos artigos. Quando não hà futebol por vezes é um pouco escrever por escrever, mas guardam o espirito "o que resultaria se o Cabelo do Aimar e o Gordo vai à Baliza" dormissem juntos e assumem-no completamente, e disso eu gosot.

Sobre o Sacchi, tirou a magia do futebol? Isso é bastante subjectivo, até porque futebol belo não hà apenas um. Eu admiro o estilo Sacchi, como aceito todo o estilo que é jogado à perfeição. Depois, sobre o que é belo ou deixa de ser, isso depende dos gostos de cada um. Hà quem tenha tido orgasmos durante os ultimos 4 anos a ver o Barcelona jogar com 70% de posse de bola e a fazer 500 passes para o lado e para tras. Eu não gosto,mas o facto de não gostar não significa que não os tenha considerado a melhor equipa do mundo.

David Duarte disse...

Jà agora, esqueci-me deste ponto. Tal como sobre a eleição dos 100 melhores jogadores do mundo, em relação aos treinadores SoFoot fez um nota prévia dizendo que se trata de uma classificação completamente subjectiva e sem pretensões a qualquer validade universal. Gosto da titude, ao contrario da do L'Equipe cujos jornalistas pensam ter a verdade eterna e estão sempre com moralismos.

David Duarte disse...

"Gosto da atitude"

Henrique disse...

Mas há dúvidas que o Sacchi revolucionou o jogo da bola? Foi um dos principais responsáveis por, hoje em dia, todas as equipas defenderem à zona.

Quem gosta de ver a "magia" do 1x1 é só ligar o brasileirão.

Yilmaz disse...

"Se a transferência a custo zero de Sulejmani em provenência do Ajax é um golpe de génio,tal como o do prodigio Lazar Markovic, os outros sérvios não parecem ser ainda maduros para serem considerados como boas contratações"...

Deixei de ler depois disto.William Pereira não viu jogar DJURICIC??

Vraiment limités à SoFoot...